terça-feira, 14 de junho de 2011

ESCADARIA DO PRÉDIO DA GAZETA

...torna-se difícil às vezes dizermos certas verdades para crianças aparentemente tão pequenas, mas com dúvidas tão grandes que nem nós, que supostamente , nos achamos crescidos, poderiam dizer...

Ouvi com dificuldade a pergunta de uma menina comendo de maneira tão deliciosa seu cachorro quente à sua mãe ( deveria ser pelo apreço e carinho ).:

- então " mãi", o Natal é de papai noel?
-bem filha, não, o Natal é nascimento de Jesus.
- e por que entao que a gente ganha presente em vez de dar?
( eu não consegui segurar o riso, tanto que ergui a revista para não ser notado )
- ...é que Jesus já morreu né...
silêncio, creio que a mãe pensou ter saciado a fome da menina..
- E papai noel tá vivo até hoje?
Que paulada..rs.rs.s.
A mãe olhou e somente diz, mocinha, hoje você está impossível.
Ou seja, não sabia a resposta rsrsrs.
- mas então "mãi"...
- o que filha? -rindo.
- como fica então no caso do papai noel, ele dá presente e Jesus não pede nada...
- filha. o que você está aprendendo na aula de catecismo mesmo?
Gostei da menina...
Acabou seu cachorro quente e ao se levantar disparou essa pérola:
- tábom, então na Páscoa, que é a ressurreição de Jesus a gente come ovo de chocolate que nem coelho põe ovo.!!!!
Engasguei!!!

Aquelas perguntas ficaram em minha mente e as respostas são tão profundas quanto o que aquela criança sabatinou a mãe...

Nossa história está muito bem distorcida.
Ainda lembro-me bem da menina descer a escadaria conversando com a sua mãe e questionando...rs.rs.
Se ainda fôssemos assim...

Nenhum comentário:

Postar um comentário