quarta-feira, 31 de outubro de 2012

TODA VEZ QUE TOMAMOS UMA DECISÃO, GANHAMOS UMA COISA E PERDEMOS OUTRA

TODA VEZ QUE TOMAMOS UMA DECISÃO....

GANHAMOS ALGUMA COISA, E PERDEMOS OUTRA!




O que você ganhou hoje, na atitude que decidiu tomar?..............

Talvez quando digo perder , é abrir mão!!!

Qual a perda que efetivou-se hoje?

Sempre invocamos ( e devemos ) invocar nosso interior, quando da posse da autoridade máxima sobre nossas vidas. Decidir!

A essência é contactada para decidir.

Quando abrimos mão de uma coisa, temos uma decisão que nunca mais voltaremos atrás!

O contato com nosso eu, irá gerar conflito!


MAS,

decidir requer um exercício que quase nenhum de nós pratica.





ZONA DE CONFORTO pode ser uma almofada escondendo um black hole.!!!

Pois a zona de conforto pode acalentar dor, sofrimento, desânimo, medo, inseguranças....

Pois nos acostumamos ! em dor, em sofrimento, em raiva....nutrimos esses sentimentos...

Um fermento que nós mesmos produzimos!!!

Por isso quando dizemos que precisamos e devemos renovar, reciclar, torna-se muito difícil, pois isto também faz parte de NOSSA ESTÓRIA DE VIDA.

Isso pode ser frustante, e o que gera mais medo , é saber que é um pedaço que poderá ser arrancado de nós... e o que restará?  o que poderá ser preenchido?

A resposta está completamente em nós!

Pois nos rendemos ainda ao conforto desta zona...

Haverá perdas? Sim.

Poderemos errar? sim, perfeitamente!

Mas iremos ganhar alguma e perder outra, mas o coração quer sempre ganhar.

E nunca perder....

O que buscamos para nós realmente hoje para suprir nossas necessidades e carências?

Para estar aonde estamos abrimos mão de muitas coisas.

O homem quando só estiver, saberá que só é pó!

Mas não estamos sozinhos.

Quando li um trecho de um livro do Saramago, ele divaga e lembra de sua infância e passagens....

E depois disto tudo, aonde iremos ? nossas idéias, nossas vontades, desejos, os beijos, as dores, as pessoas e amores?

Todo dia realizamos escolhas...

E se repente eu resolvo não tomar mais o remédio?

e se de repente sua mãe não está mais aqui?

E se de repente eu perco o emprego?

E se de repente eu tivesse abortado?

O ser humano em suas questões positivas e negativas, possui uma capacidade FANTÁSTICA.




A SABOTAGEM!

SOMOS PERITOS EM AUTO SABOTAGEM!!

Ah, hoje não irei sair...

Eu não quero mudar...

Ah...ele é assim mesmo, paciência, aonde irei encontrar alguém assim?

Ah, do que me importa o dia morno e nuvens no céu?





PERDAS NECESSÁRIAS

Meu vínculo na Terra findou-se desde que minha mãe faleceu.....estou sem rumo,

não tenho mais sede!

A saudade não mata ninguém....mas prejudica demais quando má direcionada!

Teimamos duas vezes em não deixar as pessoas partirem.

Uma, vem de dentro de nós, a outra provém das mãos que tentam segurar(...)

Hoje foi nossa mãe, ontem foi nosso pai.....meu cão....um amigo....

E qual a decisão que é possível tornar-se viável?

Acalentar, mesmo com dor, uma saudade que nos mata insensivelmente dia após dia?

Ou, jogar fora a tiara, o calendário e manter o sorriso e o melhor deles dentro de nós?

Sempre teremos que abrir MÃO de coisas e pessoas em nossas vidas.

Sempre teremos que aceitar o fato de que nem tudo cabe a nós sabermos.

O pedaço que perdemos e que não cabe mais em nós deverá ser preenchido por nossa experiência nova de vida!

Desta forma, GANHE A TUA VIDA E PERCA O TEU MEDO!




Um comentário:

  1. essa é literalmente minha cara.... perfeita.
    escolhas... quando nao fazemos uma, significa q ja a fizemos....
    Silvia

    ResponderExcluir