sábado, 24 de janeiro de 2015

VOCÊ TEM DUAS SEMANAS DE VIDA X VOCÊ TEM 10 ANOS DE VIDA


Não sou a favor da violência , em nenhuma de suas formas, mas as vezes temos que ser mais severos nas repreensões, nas corrigendas, como um Pai amoroso que corrige seu filho no desvio de caráter ou atos...

Vi e acompanhei a comoção de muitas pessoas em diversas mídias sobre o caso do brasileiro, preso no ano de 2004 acusado de tráfico de drogas com a quantidade "pequena" de 13,4 kilos de cocaína!

Renderia no mínimo 3 milhões !!!!


E pergunto, quantas famílias ficariam desestruturadas pelo uso, quantos lares destruidos, quantas mães, pais e filhos afetados? Quantos poderiam morrer ainda sobre a RESPONSABILIDADE?

Até quando iremos tolerar que devemos passar a responsabilidade para o outro e nunca assumirmos nossos atos?

Ninguém pôs o revolver sobre sua cabeça e o forçou.

Sabia da responsabilidade e riscos.

Comoção geral? Não....










Uma pessoa muito próxima a mim recebeu a notícia de que alguém com um câncer avassalador , terá duas, repito, duas semanas de vida.

Um PAI, deixando dois filhos pequenos e esposa!

E qual foi a escolha dele?

O que pensar nestas duas semanas? Toda a sua vida passando entre teus dedos e olhos.

A prostração numa cama, os órgãos que não funcionam bem e a dor de certa maneira amenizada?

Duas semanas. O sol lá fora e teus filhos...

E a resposta deste homem foi chamar os seus.

Reclinar o espírito e aceitar a Vontade.

Aproximar algumas pessoas e pedir perdão!

Reconhecer algumas faltas e sinceramente pedir o perdão que liberta qualquer consciência.

Ele quer seguir em paz.

02 semanas que encerram neste fim de semana.

Penso eu aqui nestas duas prisões e nas escolhas de cada um.

Porque, sempre temos escolhas,

e com elas, respostas e colheitas.

Que partam em PAZ.

Que possamos refletir sobre a brevidade da vida.

OLhar para nossos filhos e pais e saber que estamos emprestados nesta existência.

Saber que somos atemporais, mas as escolhas terrenas nos fazem temporários.


Nenhum comentário:

Postar um comentário