terça-feira, 26 de julho de 2016

DOEU?





Foi pior que ralar o joelho no asfalto?
A garganta dói ao pensar ?
















Há tanta gente ao teu redor que você nem vê seus pés ao chão, mas a sensação de vazio é avassaladora?
Aquele anti-depressivo não faz mais tanto efeito quanto antes.






Ela foi embora, levando consigo quase todos os fins de tarde de sábado...




Ele disse que viria...
Você não quis...
O grito poderia ser a melhor resposta do que a indiferença...

Você quer falar, mas o mundo é mouco.






Hoje e jamais você ouvirá novamente aquela música.
Evitaremos os mesmos trajetos,
os únicos caminhos.












Pior do que não entenderem sua letra,
é não terem a menor idéia do universo dentro da sua mão.













Fracassou? De novo?

Tua família não é sua...ou tua...








A idade está te batendo à porta?

Você está com medo?




Olha ...





 Respira, não lhe custará caro...

Segue, embora só. mas segue.

Olha para tuas mãos e para teus pés.

Sempre tem gente no horizonte...

CADÊ CAIQUE?


Pra que ter vontade se não tem coragem?
Seja simples, dê um passo até o cimento.
amanhã, até a grama;
depois, segue pela estrada;
caminha pela trilha;
e põe os pés na areia.



domingo, 24 de julho de 2016

ACIMA DE QUALQUER BEIJO, DEVERIA EXISTIR UM SORRISO.






Acima de qualquer beijo deveria existir um sorriso.
Esse é a garantia mais sincera de que mesmo lábios não se unam,
os corações possam caminhar juntos, mesmo que em planetas distintos.

Eu não quis saber se a cerveja acompanhante era o mais importante.
Mas contra o sol e observando os aviões pacientemente que iriam pousar e ,
principalmente decolar, fez-me parar o carro, atravessar a avenida e fotografar esse casal.

A conversa era tranquila. 
O sorriso vinha mais dela, enquanto ele comentava, olhando ambos para a pista e para o sol.
Acima de qualquer coisa deveria haver uma garantia mínima , não da dor, mas do respeito.

Muita gente deseja caminhar junto.
Muita gente quer caminhar junto.
Muita gente ainda precisa caminhar junto.

Não havia pressa ali.
E , enquanto a tocha olímpica passava por trás deles e de nós, o mundo, o sol e os aviões continuavam a trajetória.
Eles, ficaram ali, mesmo com o final da cerveja.
As cabeças inclinaram buscando o ombro do outro.
Achei que não era mais meu momento.

E enquanto estava dentro do meu carro, com minha música, pude observar que após toda a passagem do "circo", os dois continuaram ali, esperando o sol abaixar, olhando para as luzes da pista...

Acima de qualquer coisa, o companheirismo ainda é espírito de luta e amor.






terça-feira, 12 de julho de 2016

INDIFERENÇA







A indiferença surge por opção.

Não é imposta jamais a qualquer pessoa.

Ninguém lhe obriga, ou intimida.

É pura e simplesmente uma escolha... como tantas outras.

E toda escolha elege uma consequência.

E estamos preparados para tal?

Se a vida, independentemente das energias que movem o planeta, é ação e reação;
não tardará o momento em que a carícia retorna, ou o tapa lhe vem ao rosto.

Muitas vezes estarmos certos não é garantia de êxito.
O que quero dizer é que tudo é energia e movimento, sob suas leis imutáveis,
tudo que realizamos de bom, ou de ruim  reverbera ao nosso redor, e principalmente dentro de cada um de nós.

Por isso, que temos opções.
Cito a indiferença como um dos sentimentos mais afiados e cortantes que possa existir vindo do " ser humano".

Mas, o tempo, sábio conselheiro mudo aponta a falta, não como culpa, mas como promissória a ser quitada.


terça-feira, 5 de julho de 2016

ELA PROCURAVA EMPREGO; ELE, PROCURAVA UMA PROFISSIONAL...




Amigo quando dá conselho é fato: na escala de 0 à 10, está na média próximo quando a mãe diz "vai chover, leva guarda chuva, ou não vai que vai dar m### "

Só que por teimosia a gente não ouve mãe...e se lasca boniiiiitoooo.

E quando a gente ouve amigo, a gente dá ouvido e também pode se lascar boniiitoooo.

Levada as proporções conto aqui hoje sobre o Paulo.

Paulo trabalha em uma grande empresa ( não deixou citar o nome ) e atua em RH, e precisou há algum tempo ( censura dele também ) , abrir um processo seletivo para escolher um profissional pra determinada área.

Com o auxílio de uma empresa especializada, para otimizar tempo, recebeu 6 candidatos.






Até aí tudo bem.
Vamos parar aqui e voltar 60 dias.
Bar
- Cara, tenho que te contar uma que tá me matando...
- Betinha?
- Não.
- Luciana?
- Noop - tomando seu chope.
- É..Vera?
- Nain...
- Então me diz.
- Lembra que estou fazendo processo seletivo ..
- Sim.  E como está indo...
- Cara, to apaixonado.
Quase viro o chope no olho.
- Oi?
- Sério, tive que entrevistar alguns candidatos, fiz dinâmica e tem uma candidata que por Jesus...
- Opa, cara, que que isso?
- Sério, bati o olho no primeiro dia, e pá! Cai. Ela é linda, ela é inteligente, articulada, alegre, motivada,
- Cara, isso é anti ético né? Vai por mim, não contrata essa moça pelo amor de Deus.
- Ela é solteira, já pesquise tudo, face, insta, ...
Olhei ao redor do balcão pra ver se achava um porrete.
- Pode parar, isso vai dar problema pra você, cara acorda, você não age assim, sempre ponderado, o doido aqui sou eu, lembra? Vai por mim, não contrata, foca na empresa, no que precisa etc. Não faz besteira e sacrificar a carreira? Tem tanta gente bacana cara, tanta mulher solteira...
- Sei, aham.
- Tá bom, nem tantas solteiras...
- Ok, diga Freud...
- Tá bom, entendi, tem gente por aí cara...
- Ok, Pode deixar.

Voltando ao dia de hoje...

Realmente o Paulo seguiu o meu conselho. Não contratou a moça. Contratou outra pessoa para a vaga. Seguiu a sua vida, e a moça, a dela...

( nem tanto assim )...

Aqui estou eu escrevendo essas tortas linhas, pois estou no terceiro chope escuro e lá vem o Paulo.
Lá vem o Paulo, peraí com um moça...
Uia! Bonita.

- Carlão, apresento a Helen!
Eu sem reação, sem entender.
- Então, fiquei meio sumido por estes meses né, ela é a candidata...
Olhei pra ela, roxo de vergonha e sem entender nada...Olhei pro garçom e pedi outra rodada.

- Estamos namorando...
Helen abriu um sorriso, realmente lindo, olhei pra ele sem entender.
- Faz o seguinte, eu vou ao banheiro e você conta pro Carlos "nossa " história...
- Cê ta louco cara?
- Ué, segui teu conselho!!!
- Eu disse pra não contratar.
- E eu fiz isso! Só que tinha o currículo dela né, daí pá, porque não ligar pra ela depois de um tempo? Então fiz isso. Liguei pra falar se ela ainda tinha interesse na vaga, ela contou que já estava atuando na área dela e depois de uma conversa que se estendeu mais, comecei  a enviar email. Daí ela respondeu, fomos pro whatsapp, e depois longas conversas por telefone e somente depois de muito insistir, ir a cada dela, mandar flores e convites ela aceitou sair comigo.
Comecei a rir, sem parar.
- Daí estamos namorando cara!!!!
- Paulo, o processo seletivo foi ao contrário hein...



Essa é nova amigos, pra vocês verem como a vida prega peça, e como prega...